Arquivo | Saúde e Bem estar RSS feed for this section

Proteção Solar – Parte 1

6 out

Olá, Divas!

Todas nós sabemos que ainda estamos na primavera, mas morando no Brasil e eu aqui aproveitando as praias nordestinas, já podemos perceber a temperatura subindo e subindo e subindo e subindo. Então. preparei pra vocês uma postagem para tirar as dúvidas sobre o protetor solar.

No nosso dia-a-dia, nossa pele fica exposta por muito tempo e quanto mais o verão se aproxima, essa exposição fica maior. Assim, é preciso redobrar a atenção com a nossa proteção diária, pois as agressões à pele acontecem não só pelo tempo de exposição ao sol na praia ou na piscina, mas também ao longo do dia.

Nossa pele é formada por três camadas: epiderme (a mais superficial), derme (a camada intermediária) e hipoderme (a pais profunda). Essas camadas são atingidas por dois tipos de raios: os raios UVA são responsáveis pelo fotoenvelhecimento e pelo aparecimento de manchas, e são os mais perigosos, pois penetram nas camadas mais profundas da pele e atravessam nuvens e vidros. Além disso, a sua intensidade independe da latitude, da época do ano e da hora do dia, o que torna importante o uso do filtro solar todos os dias.  Os raios UVB causam queimaduras solares, porém são filtrados pelas nuvens e vidros e sua intensidade é sentida na pele, pois causa ardência. Mas cuidado: ambos causam câncer de pele.

  • AS DÚVIDAS MAIS FREQUENTES SOBRE O PROTETOR SOLAR

 


  • O que significa o número do fator de proteção solar, o FPS?
Indica quantas vezes a pele receberá proteção, ou seja, com uso do FPS 15, por exemplo, sua pele ficará protegida por 150 minutos. Mas lembre-se: é importante reaplicar o produto após entrar na piscina ou no mar ou após exposição prolongada ao sol.
  • Qual a diferença entre protetor e bloqueador solar?
O bloqueador é um produto mais “potente” e, por isso, mais concentrado, indicado para pessoas com pele clara. O protetor é mais menos concentrado (FPS 15 ou menos). Portanto, acima de FPS 15 já é considerado bloqueador.
  • Qual o horário ideal e o tempo máximo para se expor ao sol?
Usando o bloqueador solar, os horários entre às 08h e 11h e após 15h são os mais indicados, porque das 11h às 15h ocorre a incidência dos raios UVB, responsáveis pelo câncer de pele.
  • É preciso usar o protetor no outono e no inverno?
Sim. Ele deve ser usado em todas as estações do ano e até nos dias nublados e chuvosos, pois mesmo nesses dias há incidência dos raios UVA e UVB. Saiba que a radiação UVA é constante em todos os dias do ano e é ela a responsável pelo envelhecimento precoce da pele (como dito antes).
  • É preciso aplicar um produto diferente no rosto?
A pele do rosto é mais sensível e tem textura diferente do corpo, por isso é recomendado um produto específico para o rosto com fórmula hidratante e que previne o envelhecimento.
Então, meninas, como vocês andam se protegendo? Opção é o que não falta no mercado, mas é bom consultar uma dermatologista pra saber o tipo mais ideal de protetor para sua pele.
Espero que tenham gostado do post, logo teremos a segunda parte.
Beijos da Dynha ;*
Anúncios

CHOCOLATE: Aliado ou inimigo?

10 set

Oii meninas, como vocês estão, tudo joinha? 🙂

No post de hoje vamos falar sobre saúde e bem-estar, ou seja, uma nova categoria a ser utilizada pelo nosso blog.

E esse post inaugural tem que ser, nada mais, nada menos a respeito dele… o adorável amigo das ‘tpmseafins’ hahahahahha… o Chocolate! Será que aquele mito de que chocolate faz mal é realmente verdadeiro, ou não, a serotonina liberada pelo bem-estar do chocolate, melhora em muito em nossa saúde? Bem… vamos saber agora.

Qual a quantidade recomendada por dia?

A Organização Mundial de Saúde não recomenda o consumo de nenhum tipo de doce. Para quem não resiste, o importante é não ultrapassar o limite diário de até 50 gramas, em função dos altos teores de açúcar e gordura.

Chocolate diminui o estresse?

Sim. a resposta está em pesquisas que comprovam que os ‘chocólatras’ apresentam  níveis menores de hormônios do estresse circulando no sangue.

 Quais doenças se previnem ao comer o chocolate?

Dois quadradinhos de chocolate meio amargo por dia diminuem inflamações crônicas, consideradas as principais responsáveis por doenças como diabetes, Alzheimer e infarto.Quem come 4 pedaços de chocolate por dia tem 22% menos chance de ser vítima de um acidente vascular cerebral. 4 pedaços, meninas, não uma barra ok?

Qual o chocolate mais doce?

Bem, óbvio que os meio-amargos, ou amargos não são recomendados. Mas se você prefere um chocolate BEM enjoado(como eu) prefira aqueles que não têm muita concentração de cacau. Quanto + Cacau, + amargo, ok?

Por que, ao comê-lo, sentimos melhora de humor e alívio no estresse?
Porque ele contém substâncias que estimulam a produção de serotonina, um neurotransmissor que ajuda a combater a depressão e a ansiedade, além de estimular os centros de prazer e de bem-estar. Entenderam agora porque eu falei lá em cima de serotononina, né?

Quais os malefícios?
Pessoas sensíveis podem ter enxaqueca provocada por alergias ou devido à ação de substâncias vasodilatadoras presentes no chocolate, além de irritações na pele, no estômago e na mucosa intestinal. A tosse pode ocorrer como manifestação alérgica, embora não seja comum. A diarréia pode ser causada pelo consumo excessivo, devido ao alto teor de gordura[engorda muito!], razão pela qual pessoas com problemas no fígado devem evitá-lo. Estima-se também que de 10% a 15% das pessoas com doenças labirínticas tenham problemas com o metabolismo de açúcar. Fora que ele contém três substâncias que podem provocar DEPENDÊNCIA : a teobromina, a cafeína e a feniletiamina.

Ou seja, meninas: Chocolate é bom, mas nas medidas pequenas e certas, ta bem?

                                     Beijinhos,girls;*

@Beatrizpaaes ♥