Arquivo | Coisinhas a mais RSS feed for this section
9 nov

 

Olá, Divas!

Estamos dando um up no blog e por isso andamos meio que afastadas por esses dias, mas logo voltaremos com muitas novidades para vocês.

 

Muitos beijos,

Equipe Vermelho Diva

Anúncios

Little Fashion World

12 out

Olá, Divas!

Ser criança é tudo de bom e para homenagear o 12 de outubro, preparei um post sobre as mini-fashionistas.

Já deu pra perceber que cada vez mais as crianças estão interessadas pelo mundo da moda. Antes era tudo uma brincadeira de imitar mães e irmãs mais velhas, pegar escondido as maquiagens para passar nas bonecas e passar canetinha colorida nas unhas. Hoje, as meninas apostam nas tendências, se preocupam em arrumar o cabelo, querem unhas feitas e adoram maquiagem.

As mini-fashionistas contam com coleções exclusivas de marcas famosas e produtos produzidos especialmente para elas. A brincadeira agora é acompanhar a mãe no salão e sair para renovar os looks!

Há quem não se apaixone pelas coleções infantis?

Por mais que seja tudo muito lindo, é importante lembrar que as crianças não tem a mesma resistência que a gente, então é bom prestar atenção nos tipos de tecidos e principalmente nos cosméticos, para que não venham a acarretar problemas.

E por falar em cosméticos…

Como disse antes, algumas marcas investem em produtos específicos para o público infantil, elaborados de forma a manter as características da pele infantil. Ainda assim, devemos tomar alguns cuidados para não abusar: a pele das crianças é mais sensível e por isso absorve em maior quantidade as substâncias contidas na maquiagem, podendo causar alergias. O mesmo vale para sabonetes, colônias e produtos para cabelos.

É importante lembrar alguns detalhes importantes na hora de escolher esses produtos:

Sabonetes – prefira os que tem pH mais próximo possível do pH da pele, algo em torno de 5,5, ou seja, levemente ácido.
Colônias – escolha produtos sem álcool, pouco ou nenhum corante, de fragrâncias selecionadas.
Condicionadores – evitar o uso desses produtos nos cabelos infantis; se necessário, aplicar apenas nos fios e não na raiz.
Maquiagem – Escolher sempre marcas conhecidas, preferir as cores mais claras e que saem mais fácil com a água e verificar as indicações de uso na embalagem (se é antialérgica) – mesmo sendo antialérgica é importante fazer um teste antes de usar na menina.
Esmalte – evitar ao máximo, devido à presença de solventes em sua composição. Os mais indicados são os hipoalergênicos.
Dica importante: Criança gosta de fazer tudo sozinha, então os sistemas e válvulas de dosagem dos produtos devem ser seguros, permitindo a liberação de pequenas quantidades.
Mas atenção: vale ressaltar que ser menina não é igual a ser mulher!
Mesmo com todas as mudanças ocorridas com o tempo, as crianças devem passar por todas as etapas normais de sua vida. Incentivar a brincadeira de “imitar os adultos” é legal e é um ponto positivo para o desenvolvimento psicológico e emocional, mas todos devem ficar atentos para que a criança não se torne um adulto precoce ou fique dependendo do uso dos produtos para se sentir bem.
Feliz dia das crianças, divas! Afinal, a criança em nós nunca morre!
Beijos da Dynha ;*

 

 

 

Baixinha, eu?

4 out

Hey meninas, como vocês estão, tudo joinha? 😉

Desculpem-nos a demora do post, mas é como a Dynha disse, as provas estão nos matando! haha 🙂 e hoje, o post será um pedido. Sim… uma leitora do blog, a Bárbara sugeriu que fizéssemos um post sobre o dilema que afeta 80% das mulheres: ‘Sou baixinha, que tipo de roupa/sapato/acessorio uso pra parecer mais alta?’ Preparadas??!?!!?

 

Roupas:

Saias com comprimento curto

 

Pantalonas

 

Vestidos curtinhos, super a cara do verão

 

Peças monocromáticas

 

Sapatos:

Abuse dos saltos! {com moderação, claro}

Abuse dos saltos! {com moderação, claro}


Tons nude são aposta sim, meninas 🙂

 

Plataformas


Meia-pata

 

Acessórios:

 

Prefira os mais delicados

Prefira os mais delicados

 

Bolsas

 

Prefira as transversais

 


E ai, meninas, gostaram da dicas? ah,  mas lembrem-se sempre de que independente do seu tamanho, o que importa, de fato, é a sua essência, é você estar bem consigo mesma independentemente de idade, altura ou classe social. O que vem de dentro sobrepõe o que vem de fora. Não esqueçam disso, ok?

@Beatrizpaaes

Renove, molde, inove!

8 set

Olá, Divas!

Ontem parei em frente ao guarda-roupas e muita coisa desmoronou em cima de mim sim, sou uma bagunceira nata, imaginem a cena. Tudo bem que estava tudo muito meio desorganizado, mas enquanto arrumava vi que muita coisa só estava ali ocupando espaço.

Acontece que tenho um sério problema de possessão e por mais que não use as coisas, vou guardando elas ali, usando a velha desculpa do “ah, um dia eu vou precisar e então já está aqui”. Acredito que não é muito diferente com alguma de vocês.

Bom, comecei a escrever aqui sobre isso porque, mesmo sendo assim possessiva, tenho consciência de que posso dar um jeito no acúmulo desnecessário.

Muita gente pensa em separar tudo bonitinho para fazer doações e isso é muito bom, tem muita gente precisando. Mas não é a única solução, há muitas outras que também são bem legais. E o melhor: não precisam ser apenas roupas. Sim, você pode separar sapatos, acessórios, maquiagem, esmaltes. O que realmente estiver só ocupando espaço.

A primeira é realizar algum tipo de bazar. Sim, separar tudo, etiquetar e colocar à venda em algum dia que você escolher. É uma forma de desacumular o guarda-roupas e ainda ganhar uma graninha extra. Você vai ter um pouquinho de trabalho com a questão de divulgar, conseguir um espaço que seja fácil para as pessoas chegarem e certamente vai precisar da ajuda de algumas amigas – que também podem participar com as roupas delas –  para que tudo ocorra direitinho.

A segunda é juntar as amigas em alguma tarde e fazer trocas com elas. Sempre tem aquela blusinha ou aquele sapato que você sempre paquerou dela e você até já pediu emprestado, então por que não inovar seu guarda-roupas sem gastar dinheiro? E tem coisa melhor que estar entre amigas, compartilhando e ainda fazendo algum lanchinho e uma sessão filminho? Pense nisso para fazer algo diferente em suas tardes.

Outra solução bem legal e que eu particularmente adoro é customizar. Umas miçangas aqui, alguns cortes ali, umas taxinhas acolá e pronto: tudo fica novo num piscar de olhos! Você não perde suas roupas, mas deixa elas totalmente diferentes e o melhor: vai usá-las novamente. E não tem essa de “não sou criativa”, lembra das amigas dos itens anteriores? Pois é, com certeza elas vão adorar te ajudar, quem não adora uma bagunça com tesoura? E você não precisa necessariamente saber costurar, pode usar cola e tinta pra tecido, ou pedir ajuda a sua mãe e até a sua avó com a agulha. Aqui vocês encontram algumas ideias legais para customização, mas o bom mesmo é usar a criatividade e deixar o item com aquela cara de “é só meu”.

Existem muitas outras coisas que você pode fazer, é só ser criativa. O que não dá é pra ser soterrada por tudo a cada vez que abrir o guarda-roupas não é? Pensem mais, marquem alguma coisa, movam-se! O importante é renovar e organizar por mais que essa parte não seja tão fácil, haha.

Se vocês quiserem doar, é só procurar algum lugar específico da sua cidade (mas cuidado, não vão doar aquelas roupas muito velhas e cheias de remendos. Se não serve pra você, não serve para mais ninguém ok?)

Então, meninas, gostaram? Tem uma outra ideia? O que vocês fazem normalmente com o acúmulo?

xoxo

Dynha

Hello world!

29 ago

Olá, Divas.

Resolvemos criar um espaço onde pudéssemos dividir com vocês os assuntos mais cobiçados do universo feminino e aqui estamos nós!

O Vermelho Diva é o seu espaço, então sintam-se a vontade pra desfrutar da maravilha que é ser intensa e feminina.

Beijos,

Equipe Vermelho Diva